Competidor chora após conquistar o título

colunista_eugenio_titulo

RIO VERDE, GOIÁS – O rodeio de Rio Verde como sempre termina de maneira surpreendente, com muita adrenalina, emoção e porque não, surpresa na disputa final.

O competidor de Taubaté (SP), Alisson Souza, foi o grande campeão após vencer o touro Brinquedo da Cia Marca Taça com 89,75 pontos e totalizar 430,25 pontos.

Alisson que fez sua estreia no rodeio de Rio Verde, sagrou-se campeão e, temos que confessar que foi de forma surpreendente.

Ele entrou na final em quarto lugar de nota e, nos bastidores, nos bate papos, durante o dia não lembro de ter escutado seu nome.

“Eu só via esse rodeio pela televisão, acho que a ficha não caiu ainda” Disse Alisson chorando.

Na disputa de melhor touro, deu empate ‘Blindex’ da Cia Terremoto e ‘Madraque’ da Cia Marcelo Castro, ambos com a nota 46,25 pontos.

O título de melhor boiada foi para a Cia Juliano Domingos, de Luziânia (GO), é a terceira vez que ele consegue o título de na arena de Rio Verde.

A maior nota do rodeio foi de Magno Alves, de Santana do Araguaia (PA) com 92,50 pontos.

BASTIDORES

A festa quando é esperada, ele também deixa saudades. Após, a última montaria, corri para o fundo dos bretes, era hora de entrevistar o campeão e ele estava lá, recebendo os cumprimentos dos amigos.

Chamei-o para uma entrevista, quando ia começar, alguém o requisitou. Na nova tentativa o arrastei para debaixo das arquibancadas, logo que comecei a entrevista ele não resistiu e foi as lagrimas.

A entrega de prêmios começou e era hora de deixar a arena, no caminho parei para comer um espetinho, afinal estava ali desde as 16h.

No mesmo momento acontecia a queima de fogos, as pessoas saiam em família, outros casais de mãos dadas, todos olhando para cima, uns parados, outros andando, outros ainda com celular na mão, o céu, estava colorido, porém o ambiente parecia de guerra, com tantos estouros de bombas, pois o encerramento é muito aguardado por todos.

Ao chegar ao escritório, Fabiana Ferreira, secretaria do rodeio e Enrique Moraes pagavam as premiações de tropeiros e competidores, isso levou um bom tempo.

Jordans Junior, estava lá, com um curativo na orelha. Quando ele estava no pódio, era possível ver seu semblante de tristeza.

“O nome desta matéria ai você pode ser assim – Nadou, Nadou e morreu na praia” Dissse Jordans, ele estava de verdade muito triste.

“Meu sonho não é ir para os Estados Unidos, posso ir um dia, mas meu sonho era ganhar Rio Verde, Acho que hoje não durmo” Afirmou Jordan inconformado com a derrota. Ele entrou liderando e infelizmente não conseguiu o título.

Aos poucos a sala foi se esvaziando, e hora de ir embora, antes porém, antes, entrevistei Lauro Dias, que sempre acompanha tudo de perto, estava sentado ao lado da Fabiana, sentamos e conversamos por dez minutos, um resumo de Rio Verde.

E assim terminamos o Rodeio de Rio Verde Goiás, agradecer o Lauro Roberto Dias, Fabiana Ferreira, Walter Bailão e todo o Sindicato Rural. Você pode ouvir entrevistas e assistir vídeos no link http://bit.ly/1fOONyR ou no site www.eugeniojose.com.br

Classificação Final Três Tambores Infantil

1-     Tarcila Ferguson – 51,484

2-     Maria Alice Rizzi  – 51,956

3-     Ana Beatriz Leão – 52,785

4-     Luiz Felipe – 53,283

5-     Daniella Gonçalves – 57,700

Classificação Final Três Tambores Feminina

1-     Márcia Dias – 51,092

2-     Bruna Giacon – 51,651

3-     Gabriela Diogo – 51,672

4-     Gabriela Gasparelli  – 51,770

5-     Daiane Sudário – 51,810

Classificação Final Touro

1-     Alisson de Souza – 430,25

2-     Rodrigo Guedes – 429,00

3-     Danilo Almeida – 359,00

4-     Magno Alves – 357,50

5-     Jordans Jordão – 349,50

Por Eugênio José – MTB: 67.231/SP
contato@eugeniojose.com.br
Foto: Eugênio José

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *