Com 17 anos, morre o touro Agressivo

O rei das arenas deixou muitas lembranças. Um dos touros mais temidos do esporte abandonou a calmaria da fazenda nesta manhã de sexta-feira, 27, com 17 anos de idade.

Foto por André Silva

Foto por André Silva

Agressivo pertencia a Cia Paulo Emílio e tinha um espaço exclusivo na fazenda Santa Martha, em Icém. O animal conquistou fama e respeito em todo o Brasil, além de ganhar vários títulos da PBR (Professional Bull Riders).

O atleta tinha muito talento para o esporte, foi considerado o touro do ano em 2010 e o melhor touro na etapa de Barretos em 2014. Durante a trajetória do animal, apenas dois competidores conseguiram ficar oito segundos em cima dele.

Com 13 fivelas de melhor touro pela PBR, ele era considerado o sucessor no touro Bandido, também da Cia Paulo Emílio.

Apesar do nome, Agressivo era um animal dócil enquanto estava na fazenda, mas ao entrar na arena ele se transformava. O touro havia se aposentado há três anos, ele sofria de artrose nas articulações e morreu devido à idade avançada.

Agressivo deixará saudades nas arenas e será lembrado como um dos melhores atletas bovinos do País. A PBR Brasil lamenta sua morte.

“É uma grande perda. Todos sabem que trato meus touros como filhos, vibro com eles e proporciono todo bem-estar que eles merecem durante as competições e após a aposentadoria. É um dia triste para o mundo dos rodeios”, afirmou Paulo Emílio Marques.

 

Veja os títulos que ele conquistou na PBR Brasil:

Touro do Ano em: 2010

Melhor Touro em:

2010    Guaíra – SP

2010    Campo Grande – MS

2011    Londrina – PR

2011    Iron Cowboy

2011    Guaxupé – MG

2011    Monte Aprazível – SP

2011    Curitiba – PR

2012    Londrina – PR

2012    Divinópolis – MG

2012    Americana – SP

2012    Londrina – PR

2012    Olímpia – SP

2014    Barretos – SP

Fonte: PBR Brasil – By: Lindsay Finotello

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *