Eudimar Novais conquistou o tricampeonato em Ariquemes construindo uma história inédita de vitórias

Mais uma edição da EXPOARI foi encerrada com sucesso. O evento realizado pela APA – Associação dos Pecuaristas de Ariquemes terminou a 35ª edição como o sucesso de sempre.

eudimar

O evento está no TOP03 do Brasil na premiação e, este ano inovou na parte de competições na arena com provas todas as noites. O evento envolve toda a comunidade e tem um leque de atrações para todos os gostos com rodeio, provas cronometradas, shows, camarotes, boate, leilões, expositores, muito entretenimento, negócios, movimentando a cidade, região, a maior evento do estado, do Norte, e um dos mais importantes do brasil

“Fizemos poucas mudanças, trabalhamos com uma estrutura base e as inovações não foram facilmente adequadas dentro da estrutura da festa” Disse Antônio Duran, presidente da APA “O sucesso do evento vem do empenho de nossa diretoria, dos patrocinadores e do público que participou da festa”

RODEIO 

diretoria

Algumas coisas são inéditas e, alguém ganhar o mesmo rodeio três vezes seguidas é muito além do inédito, é incrível. Foi o que Eudimar Novais fez em Ariquemes (RO) neste final de semana.

Ele é primeiro tricampeão da EXPOARI,o primeiro tricampeão seguido e, para quem não sabe, ele consegui a vaga do primeiro título,2016 sendo campeão do rodeio regional, ou seja, quatro títulos.

Ariquemes foi o começo de tudo para Eudimar, foi aqui que ele ficou conhecido, foi em Ariquemes que ele foi para ACR, ganhou a Liga Nacional, foi para o The American nos EUA, depois fez uma temporada este ano na PBR – Professional Bull Riders. Literalmente ele foi de Ariquemes para o mundo.

A verdade é que o tempo passou e Eudimar Novais, de Cerejeiras (RO) ganhou experiência, hoje seu discurso é outro, não é mais aquele menino tímido com poucas palavras nas entrevistas.

Ele teve mais uma vez como aliado a torcida ao seu lado, que vibrou com todas as montarias, pois sabiam que, se ele não vencesse o touro da final o título ficaria com os paulistas.

Mas, nem Eudimar nem o público falharam, foi uma viagem emocionante de oito segundos e pela terceira vez ele saiu da Arena da EXPOARI como o grande campeão

“Esse foi o título mais difícil porque todos os competidores, andaram no mesmo ritmo, boiada esteve igualada do início ao fim, qualquer uma poderia ser campeão na final e um touro pulasse mais difícil” Disse Eudimar “Esse rodeio acaba sendo minha casa, gosto muito de montar aqui, essa energia é inexplicável”

“Vou dar um tempo no Brasil, e pretendo no começo do ano voltar para os EUA” Disse

“Eu tenho uma coleção de fivelas aqui da EXPOARI, entre títulos e diárias, eu preciso contar para saber” Finalizou falando sobre suas conquistas na arena.

RESULTADO FINAL 

1 – Eudimar Novais, Cerejeira (RO) – 429,25

2 – Elvis Vinícius, Floreal (SP) – 421,25

3 – Edmilson Gonçalves, São J0sé do Rio Preto (SP) – 420,00

4 – Alan de Souza, Taubaté (SP) – 333,00

5 – Anderson Lucas Martins, Alto Taquari (MT) – 331,50

DISPUTA DE MELHOR BOI E MELHOR BOIADA

Eu preciso levantar estes números, mas tenho certeza que Ariquemes (RO), faz uma das maiores contratações de touros em números de touros.

CENTO E SESSENTA TOUROS estiveram na festa durante os nove dias.

Praticamente todos os tropeiros do estado estavam presentes e ainda algumas boiadas do Acre e uma do Mato Grosso.

A premiação de TRINTA E DOIS MIL REAIS para touros, a maior do Brasil, incluindo uma moto zero km para melhor boiada e melhor touro foi a grande atração do evento.

E foi do Mato Grosso o título de melhor boiada. A Cia JP do Juliano Prioto, de São José dos Quatro Marcos (MT), foi a grande campeã com a média 42,65 pontos.

Com vinte anos de mercado, Juliano Prioto, tem em seu plantel tem vinte e cinco touros de prontos para o rodeio, e mais quarenta em treinamento.

“Isso foi muito importante para valorizar a classe das boiadas, isso vai ajudar o fortalecimento dos tropeiros” Disse Juliano “Foi uma sensação única, nunca senti antes na vida, a sensação de dever cumprido, todo o investimento valeu a pena, ganhar essa moto foi algo inédito e indescritível na minha carreira de dono de boiada”

Já o melhor touro foi da SS do Tião Jiboia. ‘Magnata’ obteve a média 42,65 pontos.

As médias dos touros foram computadas durante os nove dias do evento nos dois rodeios, CrediSis Crediari e Supremax.

“O investimento nessa premiação foi para valorizar os tropeiros aqui do Norte” Disse Jhonatan Fernandes Diretor de Rodeio “Lançamos essa ideia de dar motos, espero que outros rodeis também façam, seria legar ver um dia os locutores falarem quantas motos esse ou aquele touro ganhou”

PROVAS CRONOMETRADAS

Com organização de Vinícius Custódio, a prova reunião grandes nomes do laço nacional. Uma prova rápida, bem organizada, envolvendo o público.

“Graças a nossa amizade no meio, conseguimos trazer, grandes nomes, com o desafio de agradar o público e ser uma prova rápida na arena, já que era a primeira vez que fizemos elas todos os dias na arena” Explicou Vinícius “Acredito que o desafio foi vencido, estamos muito felizes com o resultado”

TEAM ROPING

1 – Mikael Cassiano e Alemão

2 – Thiago Polizelo e Digo Paes

3 – Baiano e Lucas Tangará

4 – Alexandre Peres e Vinícius Custódio

LAÇO INDIVIDUAL

1 – Mário Francisco, São Simão (SP)

2 – Edgar Ferreira, Goiânia (GO)

3 – Vinícius Custódio, Ariquemes (RO)

Por Eugênio José – MTB: 67.231/SP

Foto: Leandro Kazuo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *