PBR Brasil

Caic Cássio vence o Last Cowboy Standing Brasil 2019

Caic Cássio é o Last Cowboy Standing Brasil 2019. A vitória ocorreu na noite de sábado, durante o Jaguariúna Rodeo Festival, em Jaguariúna, interior de São Paulo.

“Jaguariúna é um sonho de criança, sempre tive vontade de vencer aqui dentro. Hoje estou realizando meu sonho. É um importante título para minha carreira”, comentou o competidor ainda dentro da arena, enquanto recebia a fivela de campeão.

A trajetória de Caic começou na sexta-feira, quando parou os oito segundos sobre o touro Roceiro, da Cia Rancho 3 Irmãos, e fez a maior nota do round classificatório, finalizando com 87,25 pontos.

No segundo round, no sábado, Caic conseguiu passar para o terceiro desafio devido à sua pontuação na etapa, já que ele não conseguiu vencer o touro Conan, da Cia Fortaleza.

O terceiro round era o teste de fogo para Caic porque ele tinha pela frente o touro Mexicano, da Cia Paulo Emílio, que chegou a derrubar o tricampeão mundial Silvano Alves em Americana, nesta temporada.

“Um touro que derruba um tricampeão não é para qualquer um montar. O Mexicano é um touro sólido e muito difícil e que foi vencido poucas vezes. Parar nele é sempre nota acima dos 89 pontos. E isso ficou provado no encontro dele com Caic, um atleta muito bom e muito constante”, explica André Metzker, comentarista oficial da PBR Brasil.

Os 89,25 pontos a bordo de Mexicano garantiram passagem para o quarto round. E Caic tinha ainda competidores de peso para encarar, como Ednélio Rodrigues, Roberto Carlos Junior e Leandro Machado, atual líder do Monster Energy PBR.

Novamente, Caic teve força e técnica para superar mais um touro, desta vez, Careta, da Cia California, resultando em mais 89,25 pontos, o que lhe garantia a briga direta pelo título.

O quinto e decisivo round foi realmente difícil, digno de uma competição como o Last Cowboy Standing. Caic Cássio e Leandro Machado mostraram que a nova geração de atletas brasileiros está preparada para todo e qualquer desafio.

COMPRE AQUI SEU INGRESSO PARA GOIÂNIA

“Os meninos se sobressaíram muito bem porque têm talento, são grandes competidores, sérios e focados no esporte. São atletas novos, mas que já têm muitos títulos e querem cada vez mais”, explica Guilherme Marchi, campeão mundial de 2008 e embaixador da PBR.

Ainda, de acordo com Marchi, uma competição como o Last Cowboy Standing exige muito preparo físico e psicológico. “São muitos touros para se enfrentar em uma noite só, e touros de alto nível. Por isso precisam estar preparados fisicamente e também psicologicamente”, completa.

Na final, Caic Cassio encarou o touro Cara Errado, da Cia Califórnia, ficando com 85,25 pontos. Leandro Machado voltou no touro Energético, da Cia Lorran Munhoz, mas não conseguiu ficar sobre ele os oito segundos.

Com o resultado, Caic Cássio passa para a vice-liderança do Monster Energy PBR, com 1155 pontos, apenas 412,5 atrás de Leandro Machado, líder com 1567,50 pontos. Caic tem, nesse momento, o melhor aproveitamento, com 88,89%.

Jorge Cardoso / PBR Brasil  

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar