Rodeio Nacional

Após passar as festas do final de ano se exercitando Júlio Cesar assumiu a liderança do CRP

Após duas etapas competidor sul-mato-grossense assumiu a liderança do Circuito Rancho Primavera e credita os resultados a sua disciplina nas festas de final de ano. 

É comum, natural e, muito normal, todos, no final no ano saírem da rotina, para comemorar, comer com fartura, beber a vontade, ou simplesmente descansar o corpo, afinal, um ano todo de trabalho suga nossas energias, principalmente para um competidor em touros que, além de passar o ano enfrentando animais de uma tonelada, enfrenta também longas horas de estrada, além do stress diário da competição.

Sendo assim, o descanso é merecido no final do ano, sim é, porém, talvez, um atleta de montarias em touros, pode perder o ritmo, o condicionamento em uma ou duas semanas em que sai de sua rotina habitual.

Júlio Cesar Rodrigues, de Novo Horizonte do Sul, Mato Grosso do Sul, vai na contramão de tudo que relatei acima.

Intensificou seus treinamentos no final de ano e hoje colhe os frutos sendo o líder do Circuito Rancho Primavera, após a segunda etapa da temporada em Santa Cruz do Rio Pardo (SP).

Já conversei com Júlio César Rodrigues uma vez e, na ocasião, não falamos muito sobre seu começo.

Sempre morou no sitio, junto com pais e avós. Gostava de andar a cavalo, aos cinco anos seu pai já levava ele ao rodeio, montar em bezerros era seu brinquedo favorito.

“Toda semana eu assistia rodeio na TV, quando acabava o programa eu saia com uma corda na mão no meio do pasto empolgado” Lembra Júlio Cesar “Quando mudei para Naviraí (MS), tinha um local, que se chamava Puro Leite, um amigo nosso tomava conta e, a gente ia um dia antes, dormia na mangueira, tirava leite e depois, laçava os garrotes, montava neles, nas vacas, em tudo que aparece a nossa frente”

“Foi meio natural eu procurar montar em touros, não tive um incentivo, familiar ou alguém, fui atrás, e aos quatorze anos que eu fui conhecer corda americana e os locais de treinamento”

“As primeiras oportunidades de treino foram na fazenda Naviraí, no Dinho do Rancho Porteira Véia, foram os primeiros lugares que pude vivenciar com touros de nível de rodeio” Recorda “Minhas primeiras vitórias foram em bolões, e foi no primeiro rodeio em Rio Brilhante, depois ganhei outro Rancho Sertanejo. Meu primeiro título no rodeio profissional em Planalto do Sul (SP) em 2014, em 2015 venci na minha cidade, Novo Horizonte do Sul (MS), daí em diante minha carreira decolou”

Entre tantos objetivos da carreira de um competidor ganhar um carro zero km montando, é a vontade de todos e com Júlio Cesar Rodrigues não é diferente. Na nossa primeira entrevista tocamos no assunto e de novo lembramos desse objetivo que ele ainda não conquistou.

“Passou perto duas vezes em 2019 de eu ganhar o carro, porém, não veio, mas este ano estou confiante que virá, afinal terei muito mais oportunidades, já em fevereiro teremos a primeira delas” Explica “O CRP oferecerá muitos automóveis, então estou me dedicando, não adianta querer sem merecer, preciso estar pronto, por isso preparo meu físico intensamente”

Aliás, exercícios é algo que faz parte da vida de Júlio Cesar Rodrigues. Pelas redes sociais ele sempre expôs suas rotinas de treinamento e claro seu condicionamento físico.

“Eu ia em uma Lan House antigamente para ver montarias, não tínhamos, esse acesso de internet no celular e WIFI, então gostava de ver montarias, depois, passei a pesquisar sobre exercícios no Youtube fique interessado e lá tem tudo e fui pesquisando e desenvolvendo meu esquema de treinamento”

“Minha região não tem muitos lugares para treinar, antes era mais difícil ainda, então eu tinha que viajar para treinar, gastava muito, então acabo ficando nos lugares, onde tem touros para treinar” Explica “Eu não parei no final de ano, treinei até dia de Natal e de Ano Novo, acredito que se a gente para o corpo desprepara, então intensifiquei os exercícios no final do ano, uma época em que a maioria descansa e aproveitam as festas. Coloquei na cabeça que não podia parar, descansar, e que ia colher os frutos no começo de temporada e isso está dando resultado”

“O campeonato está valorizando, terá muitos carros, muitas oportunidades, entendi que eu tenho que corresponder, me dedicar, então preciso não perder a concentração” Explica “Podem esperar de mim um SUPER BOB, chegar no CRP não é difícil, se manter no meio deles é o mais complicado, e estou feliz em fazer parte, de ser um deles, e hoje muito mais feliz de estar pela primeira vez na liderança”

“Não acredito em dificuldade tanto da parte dos touros ou do nível dos competidores estão chegando” Explica “Acredito que tenho que estar pronto para o nível do campeonato, não me preocupo com o nível dos outros, se eu tiver preparado vou conseguir meus objetivos, se eu não tiver, não conseguirei nada”

“Um dos motivos que me entrego tanto aos exercícios, é que, quando mais condicionamento físico, mais difícil é você se contundir, sofrer lesões” Explica “Durante os dias de competição, rodeio, muitos fazem a opção de descansar, eu faço a opção de fazer exercícios e, se por perto tiver alguma boiada para treino e vou lá treinar, monto em três ou quatro touros durante o rodeio, o competidor não pode dar desculpas e não pode ter medo de machucar, eu penso que precisamos estar prontos e foi essa profissão que escolhemos temos que assumir os riscos, então eu faço a opção de estar em forma”

“Quem perdoa é Deus, os touros não perdoam, precisamos estar prontos para eles” Finaliza “Estou onde sempre quis estar, então tenho que me condicionar para permanecer entre os competidores do CRP”

TOP05 RANKING CRP

1 – Júlio Cesar Rodrigues – 2015,75

2 – Samuel Tiago – 1924,25

3 – Afonso Junior Quintino – 1770,75

4 – Diego Fernando Sandre – 1505,00

5 – Natanael Biribili – 1427,75

Ranking Completo – https://tinyurl.com/t7zro8t

Por Eugênio Jose – MTB: 67.231/SP

contato@eugeniojose.com.br

Foto: Joice Helena / Ricardo Mariotto

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar