Rodeio Nacional

UNR atua e derruba embargo do rodeio de Franca

unr

No último fim de semana a União Nacional do Rodeio colaborou para mais uma vitória do rodeio brasileiro, através de uma ação que suspendeu a proibição do rodeio na cidade de Franca, estado de São Paulo.

A ação judicial havia sido movida por uma Associação que alega defender o direito dos animais e se baseou, dentre outros, em um decreto estadual que proíbe a realização de qualquer atividade com animais dentro do perímetro urbano dos municípios.

Na quarta-feira, véspera do início do evento a Justiça de Franca concedeu uma liminar favorável a Associação e que obrigava a Prefeitura Municipal a cassar o alvará concedido ao evento.

O Departamento Jurídico da UNR, que já havia enviado material de defesa aos advogados locais antes mesmo da decisão do Juiz, elaborou um Agravo, recorrendo da decisão do Juiz de Franca, no Tribunal de Justiça de São Paulo. Ao mesmo tempo, o Jurídico da UNR também elaborou recurso para Franca, objetivando a reconsideração da decisão inicial do Juiz.

Na noite de sexta-feira, a 2ª Câmara Reservada ao Meio-Ambiente do Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu a liminar que proibia a realização do evento e as provas de montarias puderam ocorrer normalmente. O Rodeio de Franca se encerrou neste domingo, com sucesso de público e exemplo de bons-tratos aos animais, comprovando que em rodeios profissionais o bem-estar animal vem acima de qualquer outro interesse.

Segundo os organizadores, há dez anos a cidade não tinha rodeio.

Aproveitamos a oportunidade, para em nome de todos os profissionais do rodeio agradecer e parabenizar o empenho do Conselho Jurídico da UNR, que atuou neste caso através de Thais Gianotti e Eraldo Costa.

(Departamento de Comunicação da UNR)

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar