Rodeio Nacional

Em sua terceira final Nacional de Três Tambores pela ANTT, Gabi Savio também é ‘fera’ no Laço

Foto: Dani Venturini


A Final Organnact ANTT está marcada para dias 13 e 14 de setembro durante o Jaguariúna Rodeo Festival

Apaixonada por competições equestres, Gabriela Sávio Mazetto tornou-se um dos nomes mais conhecidos da modalidade Três Tambores nos últimos anos. Pela terceira vez consecutiva está classificada para a final nacional do principal campeonato da modalidade no país, promovido pela ANTT – Associação Nacional dos Três Tambores.

Em Jaguariúna, onde inclusive já foi campeã, a competidora de 30 anos dividirá a arena com as melhores atletas da temporada e a atual terceira posição no ranking lhe coloca diretamente na disputa pelo título de campeã nacional. Gabi disputa a categoria principal – Feminina Gold Race – em que o prêmio para a campeã é um carro ‘zero’ km.

Além de brilhar nos Três Tambores, Gabi Sávio também é ‘fera’ nas provas de Laço, modalidade que divide a dedicação da competidora. Na galeria de troféus da atleta natural de Brotas/SP ela sempre abre um pouco mais de espaço para acomodar tudo. Entre as pioneiras do Laço no Brasil, ela é também uma das mais premiadas da modalidade Breakway Roping, que consiste em laçar um bezerro em alta velocidade.

“São duas modalidades bem distintas, mas que exigem muita dedicação. Nos Três Tambores é a adrenalina, correr contra o relógio, você e o animal se tornam um só naqueles segundos, é algo indescritível. No laço, o principal é a técnica e isso é muito desafiador”, contou ela.

Gabriela Sávio iniciou na prova dos Três Tambores aos nove anos e tem uma carreira consagrada, tendo sido campeã no Potro do Futuro da ABQM, além dos rodeios de Jaguariúna, Sumaré e vice-campeã em Colorado e Americana, dois dos maiores rodeios do país.

Pela ANTT, desde que passou a competir a temporada completa em 2016, se classificou para todas as finais, sempre entre as dez melhores do ano. E chegando à final com chances reais de títulos o que fez dela uma das competidoras mais regulares dos últimos anos.

Já sua história com o laço é mais recente. “Minha mãe sempre foi apaixonada por laço, o primeiro cavalo que tivemos era um cavalo de laço, mas comecei a praticar somente em 2012, quando o Breakaway Roping começou a se difundir no Brasil e me tornei uma das primeiras competidoras”, explicou.

Ela se dedica periodicamente as duas modalidades, mas explica que quando há provas de ambas no mesmo período, sua prioridade é os Três Tambores. Em 13 etapas do campeonato da ANTT este ano, ela ficou entre as dez melhores em sete.

“Estou muito feliz por mais uma vez chegar a final bem colocada no ranking. É um campeonato ao qual tenho me dedicado muito, treinando sozinha e tem dado certo. Estou me preparando para mais esta final e muito confiante”, finalizou.

A FINAL

Pelo segundo ano consecutivo o Jaguariúna Rodeo Festival será palco da FINAL ORGANNACT ANTT, a etapa decisiva da temporada 2018/2019 do Campeonato da Associação Nacional dos Três Tambores. As competições acontecem nos dias 13 e 14 de setembro, em Jaguariúna/SP, uma das arenas mais famosas do rodeio brasileiro.

Em dois dias de competições, com três rodadas, a FINAL ORGANNACT ANTT irá distribuir mais de 100 mil reais em prêmios, incluindo um carro zero km para a campeã nacional da categoria Feminina. As classificadas irão disputar premiação diária, em cada um dos três rounds, e também a premiação final do campeonato, que abrange as demais colocações, além das campeãs.

As finalistas desta temporada foram definidas na última semana de julho. Iniciado em setembro de 2018, o 16° Campeonato Nacional de Três Tambores esteve presente em 13 eventos, sendo sete etapas principais, quatro etapas bônus e duas etapas especiais.

Pela categoria Feminina, a temporada teve a participação de 200 competidoras, mas apenas 17 delas conseguiram cumprir os requisitos mínimos para se classificar para a decisão. Na FINAL ORGANNACT ANTT, as 10 melhores do ranking disputam o título da Feminina – Gold Race, onde a grande campeã será premiada com o carro zero.

As outras sete classificadas, que terminaram a temporada regular entre a 11ª e a 17ª posições do ranking, disputam a Feminina – Silver Race, que também irá coroar a grande campeã nacional. Já na categoria Mirim, que reúne as competidoras de até 12 anos, são cinco finalistas, em busca de se tornar campeã nacional entre as jovens estrelas da modalidade.

Mesmo sem vitórias nesta temporada, Kelly Caroline Pereira subiu ao pódio cinco vezes, mantendo a regularidade e chega à decisão na segunda posição do ranking. Como em anos anteriores, haverá antidopping na final e três passadas por competidora definirão os títulos.

Todas as finalistas entrarão na arena na sexta à noite, sábado de manhã e sábado à noite. Cada uma das três rodadas, além de premiação extra diária, fornece pontuação ao ranking. Os tempos serão somados e ao término das passadas, de acordo com a classificação da menor para a maior soma, as competidoras recebem nova pontuação.

Acrescentando os pontos da final ao ranking geral, será definida a classificação de 2019! Veja abaixo a lista completa de finalistas.

GOLD RACE

1 – Ana Carolina Cardozo – Araraquara-SP – 965 pontos

2 – Kelly Caroline Pereira – Duartina-SP – 595 pontos

3 – Gabriela Sávio – Brotas-SP – 540 pontos

4 – Kelly Calle – Palmeira-PR – 510 pontos

5 – Rafaela Slaviero – Curitiba-PR – 505 pontos

6 – Ellen Sayuri – Bastos-SP – 445 pontos

7 – Gabriela Ferro – São Pedro-SP – 410 pontos

8 – Eduarda Peres – Potirendaba-SP – 390 pontos

9 – Viviane Gratão – Catalão-GO – 345 pontos

10 – Bianca Ramos – Atibaia-SP – 340 pontos

SILVER RACE

1 – Heloísa Medeiros de Sá – S.J. Rio Preto-SP – 290 pontos

2 – Letícia do Valle – Pres. Prudente-SP – 290 pontos

3 – Maria Eduarda Cardozo – Araraquara-SP – 250 pontos

4 – Giovana Balbo – Umuarama-PR – 190 pontos

5 – Thais Munique – Votuporanga-SP – 160 pontos

6 – Brehna Bazanella – Americana-SP – 155 pontos

7 – Jéssica Natany dos Santos – Jaguariúna-SP – 140 pontos

MIRIM

1 – Luana Lima Bastos – Bataguassu-MS – 590 pontos

2 – Olívia Ianez – Tabapuã-SP – 520 pontos

3 – Maria Eduarda Fernandes – Paraguaçú Pta.-SP – 400 pontos

4 – Maria Manuela Arantes – Cravinhos-SP – 370 pontos

5 – Maria Fernanda Valentim – São Sebastião da Grama-SP – 330 pontos

Outras informaçõeswww.antt.org.br | https://www.instagram.com/estrelasdaantt/

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar