Rancho Primavera

Depois de um ano sem títulos Rafael Sena venceu uma etapa do CRP e recuperou a confiança

Competidor de 26 anos foi o campeão da Festa do Peão de Queiroz (SP), foi a 34ª etapa do Circuito Rancho Primavera na temporada

Quando abre a porteira, muitas coisas podem acontecer. A vida está em risco, o corpo exposto e lesões são frequentes.

Quando Rafael Sena, de Iguatemi (MS), pediu para abrir a porteira no round 02 da etapa de Guapirama (PR), ele estava na quarta posição da temporada 2019.

Havia feito uma temporada 2018 incrível, disputando o título da temporada, vencendo quatro rodeios, sendo vice-campeão de Barretos.

Mas, em Guapirama, uma dor foi sentida durante a montaria, dor forte, era um estiramento na cocha.

“Toda lesão é ruim, eu já havia tido uma fratura, uma distensão na virilha e naquele momento, um estiramento na coxa direita” Explica Anderson Sena “Nem consegui montar mais naquele evento”

Esse é o tipo de lesão onde é necessária uma recuperação plena, 100%, porém, não foi isso que aconteceu

“Eu parei poucos dias e quis tentar voltar em Colorado, só piorou minha situação” Lembra “Ai fiquei parado até Palmital quanto voltei já estava em décimo nono na classificação do campeonato”

“Consegui sim bons resultados, mas nada se compara com o ano que tive em 2018” Explica “Eu não andava com a mão boa, sorteava touros muito complicado, ás vezes montava em dois bons e já pegava um ruim e isso foi fazendo com que os resultados não acontecessem”

“Há uma pressão, as vezes as pessoas ficam cobrando, perguntando porque não estou bem, procuro não ligar para isso, em outras horas me cobram quando eu não consigo vencer um touro ruim, difícil, porém, mesmo assim não deixo isso atrapalhar, acabo isolando esses comentários” Disse Anderson. “Claro que a gente acostuma ganhar, e quando fica um ano sem uma fivela de campeão, isso incomoda, tem que incomodar, porque senão você não consegue dar a volta por cima”

“O CRP está a cada ano mais competitivo, temos que ter a capacidade de estar bem e a sorte de termos ótimos animais para montar, senão você não consegue ter sucesso” Explica “Quando eu caí do touro “Louco amor” logo vi as bandeiras amarelas sendo lançadas na arena, então sabia que teria uma nova chance, era meu dia, sorteei outro touro fui campeão estou muito feliz por essa fivela, estava com saudades de ganhar uma”

“Sim, sua confiança aumenta, mas acredito que essa vitória, foi um alívio, é como se tirasse um peso de minhas costas” Explica “Cheguei a pensar que não iria fazer a final em Quintana, mas Graças a Deus consegui voltar a vencer e espero terminar bem o ano e começar 2020 competitivo”

Rafael Sena, mora na fazenda Califórnia do Chiquinho Nucci, onde é para ele, um local de treino e ajuda muito no seu desempenho

“Eu moro lá e treinamos em touros novos e treinamos em touros que já estão no rodeio também, isso é muito importante, você ter a oportunidade de treinar em touros do mesmo nível do rodeio”

Rafael Sena venceu 50/85 touros na temporada tem um aproveitamento de 59% e é o décimo sétimo no ranking CRP. Essa foi a quinta fivela de campeão no CRP

O próximo evento acontece entre os dias 13 e 16 de novembro em Oriente (SP).

Por Eugênio José – MTB 67.231/SP

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar